Home
Ações integradas que visam contribuir para identificação, fortalecimento e divulgação de grupos e instituições que trabalham com arte e cultura, envolvendo jovens brasileiros,
com foco na transformação social.

O que e como fazemos

O Programa Juventude Transformando com Arte desenvolve as seguintes atividades, segundo eixos de trabalho articulados:

Mapeamento de Experiências Sociais com Arte e Cultura

Reúne e sistematiza informações sobre iniciativas voltadas ou lideradas por jovens, promovidas por grupos e organizações que tenham como foco a transformação social por meio da arte e da cultura. Iniciado no final de 2005, o trabalho envolve jovens pesquisadores em cada estado pesquisado, capacitados a descobrir e registrar projetos dentro deste contexto. Os grupos participantes do mapeamento passam a fazer parte do Banco de Dados de Experiências Sociais com Arte e Cultura, uma ferramenta de dimensão nacional que guarda informações sobre essas iniciativas e gera indicadores, fornecendo um raio-x com recorte no tema da transformação social por meio da arte e da cultura, contribuindo assim para o desenho de políticas públicas. A aposta é que esse banco de dados ofereça e abra oportunidades de intercâmbios, parcerias e fortalecimentos das diversas ações neste âmbito.

Não basta identificar as experiências. Para que haja uma efetiva consolidação desses projetos, é fundamental a troca de informações. Para isso, o programa estimula também iniciativas que visem o apoio financeiro, intercâmbios e ações de fortalecimento dessas manifestações artístico-culturais. O objetivo é atrair recursos para os projetos, para que estes possam investir no aperfeiçoamento das metodologias de trabalho e no fazer artístico, além do fortalecimento institucional.

Mostra Brasil Juventude Transformando com Arte

Realizada pela primeira vez em abril de 2006, acontece a cada dois anos sempre no Rio de Janeiro e leva para o palco de teatros tradicionais, com a melhor qualidade técnica, grupos iniciantes e projetos consagrados, explorando a diversidade de linguagens artísticas e de expressões culturais existentes no Brasil. Durante os dias da Mostra Brasil, atividades de intercâmbio, oficina e debates permitem a troca de conhecimentos entre os participantes do evento. Em busca desses espaços, o programa promove também uma articulação dos projetos identificados no Mapeamento Social de Arte e Cultura com outras mostras e festivais regionais, nacionais e internacionais.

Seminário Juventude, Cultura e Desenvolvimento

É um espaço de reflexão que complementa os eixos anteriores, reunindo jovens, artistas,  representantes de ONGs e do poder público, instituições financiadoras, pesquisadores e especialistas para discutir temas ligados a juventude e a utilização da arte como meio de transformação social da arte, entre outros. O objetivo é enriquecer o debate através da troca de conhecimento entre profissionais, estudantes e participantes dos projetos, estimulando, também, novas iniciativas e a produção de trabalhos e pesquisas.

Revista Juventudearte e Mapa da Mina

As publicações impressas funcionam com meios de disseminação de conhecimento sobre iniciativas com arte e cultura cujo eixo principal é a transformação social. O editorial da revista Juventudearte é construído em torno da Mostra Brasil, agregando informações sobre os espetáculos, grupos participantes, seminários entre diversos registros e depoimentos de cada edição bi-anual do evento. O editorial da revista Mapa da Mina tem como foco principal o Mapeamento de Experiências Sociais com Arte e Cultura que contém informações, dados estatísticos e resultados sobre a pesquisa realizada em diferentes Estados do Brasil.

Site do Juventudearte

O site do Programa Juventude Transformando com Arte é uma importante ferramenta de diálogo e intervenção, sendo esta também fundamental para abrigar o Banco de Experiências do Mapeamento Social de Arte e Cultura e facilitar a atualização dos dados. Além de reunir material fotográfico, audiovisual, artigos e depoimentos sobre a Mostra Brasil, esta vertente virtual tem como principal objetivo tornar-se um espaço de referência e trocas para grupos e instituições que utilizem a arte e a cultura como meio de transformação social.